Educação de Toda Cor: evento retorna de maneira presencial em sua 6ª edição nesta sexta-feira

Após dois anos ocorrendo de maneira online por conta da pandemia de COVID-19, o Projeto ‘Educação de Toda Cor’ retorna de forma presencial em sua 6ª edição, e será realizada nesta sexta-feira (26), a partir das 9h no Clube Municipal Cassino pela Prefeitura de Paracambi através da Sec. Municipal de Educação e Esporte.

O projeto conta com diversos convidados, atrações e ações que abordam as temáticas de inclusão com jovens, crianças e adultos, embasado pela Lei 10.639 de 2003 e pela Lei 11.645 de 2008, bem como em nossos atuais Parâmetros Curriculares Nacionais, PCNs. A legislação afirma que práticas culturais são consideradas verdadeiras interações sociais, pois promovem a ação entre os grupos e fortalece laços entre indivíduos.

Este ano o projeto traz o tema “ RESSIGNIFICAR: A educação é a base para todo recomeço e transformação”, onde promoverá debates e atividades sobre o compromisso, de todos, em promover uma educação antirracista em nossa cidade. Confira a programação:

APRESENTAÇÃO NO PALCO:
9h Abertura do evento – (Solenidades).
9h 10 min Secretaria de Cultura – apresentação teatral (Dandara: a guerreira
Brasileira).
9h 30 min Creche Mun. Vila São José – Apresentação de dança da Cultura africana.
9h 45 min Creche Mun. Padre Tiago Gozik – Apresentação de dança.
9h 55 min Escola Favo de Mel – Apresentação de dança.
10h 05min Escola Mun. Ciep 385 – Apresentação do coral de alunos.
10h 15min Escola Tic Tac – Apresentação de dança com valorização da cultura Africana.
10h 25min ENCONTRO COM AUTOR: JÚLIO EMÍLIO BRAZ – NO ESTANDE DE  EXPOSIÇÃO DA ESCOLA MUN. HORTÊNCIA PHIRRO DO VALLE.
10h 35 min Escritor Bruno Black – Apresentação do sarau com convidados.
11h Coral da aldeia indígena Brakuy de Angras dos Reis – Apresentação musical.
11h 30min Escola Mun. Boa Esperança – Apresentação de dança
11h 40min Andréia Piti (Turismóloga do CAT – Centro de atendimento ao turista na
cidade de Vassouras – Encenação e fala de MARIANA CRIOULA (Escravizada e quilombola na Serra da Mantiqueira) e o Vale do Café.
13h Escola Mun. Pref. Nicola Salzano – Apresentação de dança.
13h 10min Escola Mun. Margarida Alves – Apresentação de dança.
13h 20min Escola Mun. Dr. Carlos Nabuco – Apresentação de dança.
13h 30min Escola Mun. Gov. Roberto Silveira – Apresentação de dança.
13h 40 min Escola Nova Geração – Apresentação de dança.
13h 50min Escola Mun. Dias da Costa – Apresentação de dança.
14h Escola Mun. Hortência Phirro do Valle – Apresentação de dança.
14h 10min Escola Mun. Comandante Azeredo Coutinho – Apresentação teatral (O descobrimento do Brasil).
14h 20 min Coletivo de autoras Mulheres do Ler – Apresentação de leitura aberta.
14h 45min Escola Mun. Pref. Hélio Ferreira da Silva – Apresentação teatral com foco na importância do ressignificar a leitura.
14h 55min Escola Mun. Dariele Cristine – Apresentação de dança.
15h 05min Cia de Aruanda/Madureira – Apresentação da roda de jongo (dança de roda de origem africana com instrumentos).
16h Capoeira com Mestre Camaleão – Apresentação do Encontro de Capoeirista da baixada Fluminense (A importância de conhecer a história e os movimentos da capoeira que desdobra no Brasil).
16h 40min Encerramento: Roda de Samba – GRUPO ÚLTIMO LANCE.

ESPAÇO DO SABER
13h 30min às 14h 10min: Roda de conversa com o tema: “Educação de toda Cor – Qual a definição da lei 10.639, e a 11.645 e como ela se desdobra na contemporaneidade, e no chão da escola?”
Mediação: Prof. Lucas Oliveira, Coordenadora Iza Paula e Profª. Juliana Goulart.
CONVIDADOS: Profª. Darci da Penha Pereira / Seropédica, Dra. Cristina
Teixeira / Vassouras, Lucas Xunu Mirim Benites – Aldeia Indígena / Angra
dos Reis