Uso de máscaras e distribuição gratuita em Paracambi. Saiba mais:

Através do decreto 5103/2020, a Prefeitura torna obrigatório, a partir desta segunda-feira (27), o uso massivo de máscaras aos munícipes para evitar a transmissão comunitária do novo Coronavírus. O uso do equipamento de proteção é obrigatório para a circulação de pedestres, nos logradouros públicos, em transporte público ou individual de passageiros, ingresso e/ou permanência nos estabelecimentos em geral, inclusive em filas, e para qualquer atividade em repartição pública ou privada. Milhares de unidades do equipamento foram adquiridos pela Prefeitura de Paracambi através de processo de compra, e serão distribuídos gratuitamente em diversos pontos da cidade, como nos Postos de Saúde, nas barreiras sanitárias instaladas na RJ 127 e RJ 093, e também nas principais ruas de Paracambi.

Além disso, a Prefeitura de Paracambi forneceu material para confecção de mais máscaras de tecido duplo para que fossem produzidas por artesãos e artesãs da cidade, um trabalho voluntário envolvendo setores como a equipe de Economia Solidária de Paracambi, Casa dos Artesãos e diversos outros colaboradores.

A máscara de tecido duplo é lavável e reutilizável, e sua higienização é bem simples: deixe a máscara submersa de 20 a 30 minutos em uma solução com água sanitária com proporção de 10 ml para meio litro de água. Depois de seca, ela já pode ser reutilizada.

É importante lembrar que, apesar de laváveis, máscaras são itens pessoais e intransferíveis, não podendo ser compartilhado para mais de uma pessoa. E esta regra vale principalmente para máscaras cirúrgicas e N95, que são descartáveis, não podendo ser reutilizadas posteriormente mesmo após higienização.

Atenção

A Prefeitura de Paracambi informa:

Alertamos à população sobre um golpe que está em circulação em todo o país envolvendo um suposto auxílio de Natal em diversas Prefeituras. A informação falsa está circulando nas redes sociais com o objetivo de roubar dados pessoais de moradores.
A orientação é que não cliquem, não forneçam informações pessoais e não compartilhem a FAKE NEWS.